Resistor – Parte 1

image_pdfimage_print

Vanderlei Alves S. da Silva

resistor

A principal função de um resistor é de limitar a passagem da corrente elétrica, ele possui a capacidade de diminuir a intensidade da corrente elétrica em um circuito.

Sua unidade de medida fundamental é o Ohm (lê-se ômi), representado pela letra grega ômega (Ω). Seus múltiplos mais comuns são o Kilohm (kΩ) e o Megaohm (MΩ) e os possíveis submúltiplos são o miliohm (mΩ) e o nanohm (nΩ), sendo estes menos comuns de serem usados na maioria dos nossos projetos.

A grandeza física que rege o resistor é a resistência elétrica. Quanto maior for o número de sua resistência, menor será a intensidade de corrente elétrica que ele deixará passar, ou seja, a resistência elétrica é inversamente proporcional à intensidade de corrente elétrica.

Código de cores

Grande parte dos resistores apresentam o valor de sua resistência estampado em seu corpo por meio de cores e não por números. Cada cor representa um algarismo, sendo que algumas cores são usadas para representar também a tolerância de erro e casas decimais.

Podemos encontrar facilmente, resistores com quatro faixa coloridas e outros com cinco faixas. Essas cores, presentes em alguns tipos de resistores, correspondem ao valor ôhmico de cada um. Vejamos agora como decifrar esse código usando a tabela de cores abaixo:

tabela de cores

Procure associar cada cor com o número correspondente tentando memorizar. Agora que temos esta tabela, vamos usar o resistor da figura abaixo para interpretar o código de cores:

 Resistor_algarismos

No resistor acima, a primeira cor é marrom que vale 1 e segunda cor é preto que vale 0 (zero) formando assim o número 10; a terceira faixa, que representa a quantidade de zero, possui a cor verde que vale 5, portanto ao número 10 será acrescentado cinco zeros. Observe:

tabela 1megaohms

Desta forma temos que o valor do resistor da figura acima é de 1000.000 Ω (um milhão de ohms) ou simplesmente 1MΩ (um mega ohms). Observe que substituímos os seis zeros pela letra “M”.

Vamos a mais um exemplo com o resistor da próxima figura:

resistor 47k

De acordo com a tabela de cores podemos preencher tabela abaixo com os seguintes valores:

tabela47k

Ou seja,

Primeira cor: Amarelo = (quatro);

Segunda cor: Violeta = (sete);

Terceira cor: Laranja = (três), logo, 000 (três zeros).

Sendo assim,

47.000 Ω (quarenta e sete mil ohms)

A quantidade 1.000 (mil) pode ser representada pela letra “k”, do múltiplo kilohms. Dessa forma o valor do resistor encontrado acima poderá ser escrito assim:

47kΩ

Veja que a letra “k” substituiu os três zeros. Para compreender  melhor essa questão dos múltiplos, siga a dica abaixo:

1Ω = 1 ohm;

1.000Ω = 1kΩ (um kilohms – 1 mil ohms);

1.000.000Ω = 1MΩ (um megaohms – 1 milhão de ohms).

Caso o valor seja 2200Ω (dois mil e duzentos ohms) ou 6800Ω (seis mil e oitocentos ohms), ou seja, números que possuam dois zeros no final podemos escrevê-los da seguinte forma:

2,2kΩ ou 2k2

6,8kΩ ou 6k8

Note que a letra “k” poderá vim no lugar da vírgula e esse modo de escrever é facilmente encontrado nos diagramas elétricos e nos livros técnicos.

O mesmo ocorre para os valores em Megaohms. Tomemos os valores de 5.600.000Ω (cinco milhões e seiscentos mil ohms) e 3.300.000Ω (três milhões e trezentos mil ohms), veja que agora temos números com cinco zeros no final. Podemos escrevê-los assim:

5,6MΩ ou 5M6

3,3MΩ ou 3M3

Agora é a sua vez de provar que entendeu!

Observe o resistor da figura abaixo e responda nos comentários qual é o significado de cada cor e qual é o valor de sua resistência:

resistor_exercicio1

Onde:

Primeira cor: Marrom;

Segunda cor: Preto;

Terceira cor: Marrom.

Aguardo a resposta! Não deixe de comentar e mostrar que aprendeu!

Na próxima aula você vai aprender a interpretar resistores com cinco cores e a calcular a tolerância de erros. Acesse: Resistor – Parte 2

Gostou deste conteúdo? Quer muito mais assuntos interessantes e úteis? Então faça uma doação ou torne-se um colaborador e apoie esta obra.

 





apoia-se

10 comentários sobre “Resistor – Parte 1

    1. Fico feliz por ter gostado. 😀
      Ensinar de maneira simples foi o jeito que encontrei para fazer com que mais pessoas alcancem o conhecimento, e é assim também nas aulas de eletrônica presencial. 😉

      Abraço!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *